OGN (VII) 04-06-2015

From Arquivo Imperial
Jump to: navigation, search

SACRO IMPÉRIO DE REUNIÃO

PALÁCIO IMPERIAL DE ST. DENIS

PODER MODERADOR

GABINETE DE S.S.M.I.

O IMPERADOR CLÁUDIO PRIMEIRO


ORDENACÇÃO GLORIOSA NOBILIARCHICA


Neste quarto dia do mês de junho do do ano de dois mil e Quinze da Graça e Glória de Nosso Senhor, a público vem o monarcha do Sacro Império de Reunião, manifestar Sua vontade nos seguintes termos, utilizando-Se das attribuições a Ele concedidas pela Sagrada Constituição Imperial de 1997 em seu Título V, Artigo 1o., Inciso Um:

CONSIDERANDO que, nos últimos meses, os quatro Conselheiros Imperiais, membros da Câmara Alta de nosso Legislativo Aristocrático, que estiveram mais activos no ‘floor do Egrégio’, conforme pesquisa de actividade conduzida a nosso comando pelo Gabinete do Lorde Protetor, que examinou os relatórios de freqüência e os pronunciamentos por eles postados no Egrégio, são D. Filipe de Menezes Côrtes (PACSO), D. Rafael de Monteiro Aranha (PIGD), D. Carlos Fraga (PACSO) e D. Quintino Gomes (PIGD), o que demonstra seu agravado comprometimento para com a Coroa e o desenvolvimento do Sacro Império de Reunião,

DECIDIMOS:

- Elevar em 1 (um) grau o título nobiliárquico destes 4 (quatro) Conselheiros, como prêmio por sua colaboração com a Coroa Imperial e com a Câmara Alta do Legislativo Aristocrático, para que isto sirva de exemplo à toda a nacionalidade.


CUMPRA-SE. PUBLIQUE-SE. EFFECTIVO IMMEDIACTAMENTE.

Mandamos, portanto, a todas as autoridades a quem o conhecimento e execucção da referida Ordem pertencer, que a cumpram e façam cumprir e guardar tão inteiramente como nela se contém. Faça-se imprimir, publicar e correr.

No verdadeiro micronacionalismo,

Sua Sacra Majestade Imperial, D. Cláudio Primeiro

O Piedoso, pela Graça de Deus e Acclamação dos Povos, Sagrado Imperador de Reunião, Rei de Maurício, Rei dos Açores, Grão Duque de Le Port, Fournaise, Conservatória e Stráussia, Defensor Fidei, Chefe da Casa Imperial de De Castro-Bourbon